Psst...

Do you want to get language learning tips and resources every week or two? Join our mailing list to receive new ways to improve your language learning in your inbox!

Join the list

Portuguese Recordings

Benjieke
398 Words / 1 Comments
[ Show Text ]

Recordings

  • Minha história. Minhas habilidades linguísticas. ( recorded by thearchit ), Portuguese (European), English (Southern), Spanish (Castilian)

    Download Unlock
    Corrected Text
    more↓

    Minha história. Minhas aptidões linguísticas.

    Nasci e cresci em Flandres e por isso falo holandês.
    Quando era criança
    , acompanhei os meus avós em quatro visitas de família à Ucrânia onde ficávamos durante dois meses.
    Foi assim que aprendi as minhas primeiras palavras e frases do idioma russo.
    Na quinta classe do ensino em Flandres (aos nove anos de idade) começa-se a estudar uma segunda língua: o francês.
    No secundário (aos on
    ze anos), estuda-se o inglês.
    Após quatro anos escolhe-se um curso, no meu caso Línguas Modernas.
    Aprendi assim alemão.
    Aos meus vinte anos fazia frequentemente trabalho voluntário internacional.
    Não tinha dificuldades em compreender ou comunicar com nenhum dos meus colegas holandeses, ingleses ou alemães com a excepção dos espanhóis.
    Por considerar isso frustrante resolvi começar a frequentar aulas de espanhol em regime nocturno durante sete anos.
    Mais tarde voltei a ter oportunidade de continuar a practicar espanhol.
    Aos trinta anos, iniciei dois anos de aulas nocturnas de russo e nos anos seguintes não voltei a ter hipótese de practicar o espanhol.
    Desde há alguns anos para cá, reiniciei a práctica da língua por telefone com um professor de espanhol, o Jesus, o que foi óptimo para refrescar o meu conhecimento.
    Foi através da organização Servas que travámos conhecimento.
    Na primavera passada, eu e o meu companheiro passámos férias em Portugal e gostámos muito.
    Quando lá regressarmos gostar
    íamos de poder compreender as pessoas e espero que nessa altura consigamos já falar um pouco, por isso comecei a aprender agora português.
    Claro que sendo a minha língua nativa, domino o holandês.
    Em segundo e terceiro lugar estão o inglês e o espanhol que
    também falo, escrevo e leio muito bem.
    A minha pronúncia em francês é muito boa e consigo manter uma conversa bem como em alemão.
    Compreendo um pouco de russo e consigo dizer algumas coisas mas actualmente sinto dificuldades em manter um diálogo.
    Contudo
    , ler ainda consigo bem.
    Em Português sou completamente no
    vata.
    Tento sentir o idioma escutando-o.
    No entanto
    , é-me difícil repetir palavras e frases porque muitos dos sons são inteiramente novos para mim.

  • Minha história. Minhas habilidades linguísticas. ( recorded by marloncori ), Brazilian

    Download Unlock
    Corrected Text
    more↓

    A minha história. As minhas habilidades linguísticas.

    Nasci e cresci na Flandres.
    Então eu falo holandês.
    Quando criança, fui com meus avós quatro vezes numa visita de família por 2 meses à Ucrânia.
    Foi assim que aprendi minhas primeiras palavras e frases do idioma russo.
    Na quinta série (aos nove anos de idade), Flandres começa a ensinar uma segunda língua: aulas de francês.
    Desde o primeiro secundário (onze anos), o inglês também foi adicionado.
    Após a quarta série, tive de escolher outra modalidade, que se tornou a Linguagem Moderna.
    E também aprendi alemão.
    Aos vinte anos de idade, costumava ir a acampamentos de trabalho voluntário internacional.
    Eu conseguia entender-me bem com todos com meu holandês, inglês e alemão, exceto pelo espanhol.
    Eu achei isso
    frustrante.
    Por isso comecei a
    frequentar uma escola noturna de espanhol e lá estudei por 7 anos.
    Mais tarde também tive a oportunidade de continuar a praticar o meu espanhol.
    Aos trinta anos, também fiz dois anos de classes de russo a noite.
    A minha chance de praticar o espanhol acabou por passar, infelizmente.
    Eu já não o falava há vários anos.
    Mas, há alguns anos
    que voltei a utilizar o espanhol novamente, agora por telefone com um professor de espanhol chamado Jesus.
    Foi muito bom para refrescar o meu conhecimento de espanhol
    .
    Entrei em contato com o professor Jesus através de Servas.
    Na primavera passada
    , o meu parceiro e eu passamos as nossas férias em Portugal.
    Nós gostámos imenso de lá e por este motivo gostávamos de poder perceber as pessoas de lá nas próximas férias.
    E espero que já possamos dizer algo também.
    Por isso comecei a aprender português.

    Claro que falo holandês muito bem, porque é a minha lingua nativa.

    O segundo e o terceiro idiomas que eu domino melhor são inglês e espanhol.

    Eu sei falar, escrever e ler muito bem neles.
    Para além disso, a minha pronúncia em francês é muito boa e consigo conversar sem problemas com o outros, assim como em alemão também.

    Eu entendo um pouco de russo e talvez eu consiga responder.
    Mas não é mais possível ter uma conversa normal, de facto.
    Porém, ainda consigo ler bem neste idioma.

    No que se trata do português, sou totalmente iniciante.
    Eu tento sentir o idioma ouvindo-o.
    No entanto, é difícil repetir as palavras e as frases, porque muitos sons são completamente novos para mim.

  • Minha história. Minhas habilidades linguísticas. ( recorded by marloncori ), Brazilian

    Download Unlock
    Corrected Text
    more↓

    Minha história. Minhas habilidades linguísticas.

    Nasci e cresci na Flandres.
    Então eu falo holandês.
    Quando criança, fui com meus avós quatro vezes em uma visita de família por 2 meses à Ucrânia.
    Foi assim que aprendi minhas primeiras palavras e frases do idioma russo.
    Na quinta série (aos nove anos de idade), Flandres começa a ensinar uma segunda língua: aulas de francês.
    Desde o primeiro secundário (onze anos), o inglês também foi adicionado.
    Após a quarta série, tive de escolher outra modalidade, que se tornou a Linguagem Moderna.
    E também aprendi alemão.
    As vinte anos de idade, costumava ir a acampamentos de trabalho voluntário internacional.
    Eu conseguia entender-me bem com todos com meu holandês, inglês e alemão, exceto pelo espanhol.
    Eu achei isso
    frustrante.
    Por isso comecei a
    frequentar uma escola noturna de espanhol e lá estudei por 7 anos.
    Mais tarde também tive a oportunidade de continuar a praticar o meu espanhol.
    Aos trinta anos, também fiz dois anos de classes de russo a noite.
    A minha chance de praticar o espanhol acabou por passar.
    Eu já não o falava há vários anos.
    Mas, há alguns anos
    que voltei a utilizar o espanhol novamente, agora por telefone com um professor de espanhol, Jesus.
    Foi muito bom para refrescar o meu conhecimento de espanhol
    .
    Entrei em contato com o professor Jesus através de Servas.
    Na primavera passada
    , o meu parceiro e eu passamos as nossas férias em Portugal.
    Nós gostámos imenso de lá e por este motivo gostávamos de poder perceber as pessoas de lá nas próximas férias.
    E espero que já possamos dizer algo também.
    Por isso comecei a aprender português.

    Claro que falo holandês muito bem, porque é a minha lingua nativa.

    O segundo e o terceiro idiomas que eu domino melhor são inglês e espanhol.

    Eu sei falar, escrever e ler muito bem neles.
    Para além disso, a minha pronúncia em francês é muito boa e consigo conversar sem problemas com o outros, assim como em alemão também.

    Eu entendo um pouco de russo e talvez eu consiga responder.
    Mas não é mais possível ter uma conversa normal, de facto.
    Porém, ainda consigo ler bem neste idioma.

    No que se trata do português, sou totalmente iniciante.
    Eu tento sentir o idioma ouvindo-o.
    No entanto, é difícil repetir as palavras e as frases, porque muitos sons são completamente novos para mim.

Benjieke
197 Words / 1 Comments
[ Show Text ]

Recordings

  • Minha história. Minhas raízes. ( recorded by thearchit ), Portuguese (European), English (Southern), Spanish (Castilian)

    Download Unlock
    Corrected Text
    more↓

    Minha história. Minhas raízes.

    O meu nome é Tamara.
    Nasci em 1966 (mil novecentos e sessenta e seis).
    Sou belga (flamenga) com raízes russas - do meu nome.
    A m
    inha avó nasceu na Rússia mas cresceu na Ucrânia.
    Durante a Segunda Guerra Mundial foi presa pelo regime nazi e trazida para a Alemanha once ficou a trabalhar.
    O m
    eu avô também tinha ido para a Alemanha com o pai e o irmão.
    Foi assim que os meus avós se conheceram.
    Após a guerra a minha avó veio para a Bélgica.
    Somente no final da década de 1950 (mil novecentos e cinquenta), após terem sido abertas as fronteiras, é que foi autorizada a visitar a sua família.
    A partir de então, meus avós visitam a Ucrânia onde passam dois meses de dois em dois anos.
    A minha mãe é meio
    belga, meio russa.
    O meu pai
    é belga.
    Não sei muito acerca da sua história de vida.
    Os meus pais divorciaram-se
    quando eu tinha seis anos.
    O meu irmão e irmã também têm nomes russos: Ivã e Vera.
    A minha irmã mais nova tem um nome francês: Edite.
    A m
    inha mãe mudou-se para Espanha com o marido.
    A Vera é casada com Aziz, de descendência marroquina.
    O meu companheiro é holandês e por isso comunicamos na mesma língua.
    Contudo ocasionalmente acontece n
    ão percebermos algo que o outro diz.
    Realmente existem di
    ferenças entre flamengo e holandês.

lostreturn
22 Words / 1 Comments
[ Show Text ]

Recordings

kevnnn
16 Words / 2 Comments
[ Show Text ]

Recordings

kevnnn
8 Words / 2 Comments
[ Show Text ]

Recordings

  • Como você diz ( recorded by denisefv ), Brazilian

    Download Unlock
    Corrected Text
    more↓

    Tudo bem?

    sim e você

    Estou bem obrigado

  • Como você diz ( recorded by anasambade ), Portugal

    Download Unlock
    Corrected Text
    more↓

    Tudo bem?

    Sim e contigo?

    Estou bem obrigado

  • Como você diz ( recorded by leona ), Brazilian

    Download Unlock
lostreturn
22 Words / 1 Comments
[ Show Text ]

Recordings

  • Como você diz ( recorded by marloncori ), Brazilian

    Download Unlock
    Corrected Text
    more↓

    Uau, eu realmente gosto da língua portuguesa.

    Português é uma língua muito legal. Eu gosto dela.

    É bom você estar aprendendo ela.

  • Como você diz ( recorded by redcheek ), français parisien, português do centro

    Download Unlock
lostreturn
7 Words / 0 Comments
[ Show Text ]

Recordings

kevnnn
8 Words / 0 Comments
[ Show Text ]

Recordings

joshpatterson51
285 Words / 0 Comments
[ Show Text ]

Recordings

  • carol-frequency dictionary ( recorded by annacarolinafurtado ), Rio de Janeiro

    Download Unlock
  • carol-frequency dictionary ( recorded by annacarolinafurtado ), Rio de Janeiro

    Download Unlock
  • carol-frequency dictionary ( recorded by annacarolinafurtado ), Rio de Janeiro

    Download Unlock
  • carol-frequency dictionary ( recorded by annacarolinafurtado ), Rio de Janeiro

    Download Unlock
  • carol-frequency dictionary ( recorded by annacarolinafurtado ), Rio de Janeiro

    Download Unlock
  • carol-frequency dictionary ( recorded by annacarolinafurtado ), Rio de Janeiro

    Download Unlock
  • carol-frequency dictionary ( recorded by annacarolinafurtado ), Rio de Janeiro

    Download Unlock
  • carol-frequency dictionary ( recorded by annacarolinafurtado ), Rio de Janeiro

    Download Unlock
  • carol-frequency dictionary ( recorded by annacarolinafurtado ), Rio de Janeiro

    Download Unlock
  • carol-frequency dictionary ( recorded by annacarolinafurtado ), Rio de Janeiro

    Download Unlock
  • carol-frequency dictionary ( recorded by annacarolinafurtado ), Rio de Janeiro

    Download Unlock
  • carol-frequency dictionary ( recorded by annacarolinafurtado ), Rio de Janeiro

    Download Unlock
  • carol-frequency dictionary ( recorded by annacarolinafurtado ), Rio de Janeiro

    Download Unlock
  • carol-frequency dictionary ( recorded by annacarolinafurtado ), Rio de Janeiro

    Download Unlock
    Corrected Text
    more↓

    há uma mancha na minha calça graças Carol
    Josh ainda não tem 30 anos Josh ainda nem está perto de fazer 30

    Josh deveria terminar o seu treino

    Carol vai ficar feliz

    Josh quer ficar onde Carol está

    Josh quer sua própria Carol com 18 anos

    Carol são meio preguiçosos

    Josh nunca liga pra Carol7:16 PM):Anna Carolina Furtado, 7:18 P

    Josh chamou a Carol para abraça-lo porque ele não podia esperar mais.

    A gente se conheceu no Hellotalk7:20 PM

    .

    não querem morar numa terra, eles qurem morar num motor home porque eles são simples.e aventureiros.

    Josh nunca vai ter outra mulher

    for = por put = pôr

    Estou chateada com você por não me ligar.

    Vou pôr meu celular para carregar

    por no passado pus eu amareieu vou amareu pedirei

    eu vou pedir Usamos mais a palavra "vou" para definir o futuro, quando conjugamos parece formal.

    PMgaga if thay guy tries to (sair)leave with carol. I will kill him.Anna Carolina Furtado, 7:47 PMwhich guy? que cara?

    as meninas disseram que terei muitos meninos atrás de mim

    se esse cara tentar sair com a Carol, eu vou matá-lo

    Eu vou por minha mão atrás de Carol quando eu dançar Bella Chao com ela

    É um fato que Josh não me ama
    Carol me apresenta a sua família
    (apresentar) PMsexual?verdadeentão

    Carol saiu no mesmo dia com um cara da mesma idade que Josh

    Carol queria ter uma relação de amizade com Josh mas ele era muito maldoso e não queria ser amigo dela,

    então ele disse que não podia mais falar com ela porque ele não conseguia ser amigo dela e ela era muito nova.

    Ou seja, isso foi um problema dele que não conseguiu se aguentar.

  • carol-frequency dictionary ( recorded by annacarolinafurtado ), Rio de Janeiro

    Download Unlock
    Corrected Text
    more↓

    há uma mancha na minha calça graças Carol
    Josh ainda não tem 30 anos Josh ainda nem está perto de fazer 30

    Josh deveria terminar o seu treino

    Carol vai ficar feliz

    Josh quer ficar onde Carol está

    Josh quer sua própria Carol com 18 anos

    Carol são meio preguiçosos

    Josh nunca liga pra Carol7:16 PM):Anna Carolina Furtado, 7:18 P

    Josh chamou a Carol para abraça-lo porque ele não podia esperar mais.

    A gente se conheceu no Hellotalk7:20 PM

    .

    não querem morar numa terra, eles qurem morar num motor home porque eles são simples.e aventureiros.

    Josh nunca vai ter outra mulher

    for = por put = pôr

    Estou chateada com você por não me ligar.

    Vou pôr meu celular para carregar

    por no passado pus eu amareieu vou amareu pedirei

    eu vou pedir Usamos mais a palavra "vou" para definir o futuro, quando conjugamos parece formal.

    PMgaga if thay guy tries to (sair)leave with carol. I will kill him.Anna Carolina Furtado, 7:47 PMwhich guy? que cara?

    as meninas disseram que terei muitos meninos atrás de mim

    se esse cara tentar sair com a Carol, eu vou matá-lo

    Eu vou por minha mão atrás de Carol quando eu dançar Bella Chao com ela

    É um fato que Josh não me ama
    Carol me apresenta a sua família
    (apresentar) PMsexual?verdadeentão

    Carol saiu no mesmo dia com um cara da mesma idade que Josh

    Carol queria ter uma relação de amizade com Josh mas ele era muito maldoso e não queria ser amigo dela,

    então ele disse que não podia mais falar com ela porque ele não conseguia ser amigo dela e ela era muito nova.

    Ou seja, isso foi um problema dele que não conseguiu se aguentar.

joshpatterson51
856 Words / 1 Comments
[ Show Text ]

Recordings

  • diagnosis psychology ( recorded by marloncori ), Brazilian

    Download Unlock
    Corrected Text
    more↓

    o mais comum de todos os distúrbios do sono

    dificuldade em iniciar o sono; superior a 20-30 minutos

    despertar frequente ou prolongado durante a noite; ficar acordado por mais de 20 a 30 minutos

    despertar de manhã cedo e
    não poder voltar a dormir; despertando 30 minutos
    antes da hora programada e antes de obter 6.5
    horas de sono

    - comum em todos os tipos; queixa de má qualidade do sono; não acorda descansado

    ______ pode aumentar o risco de transtorno depressivo maior, hipertensão e infarto do miocárdio.

    Para aqueles com (hipersonolência), o período noturno médio
    de sono é de 9,5 horas

    excesso de
    sonolência apesar do sono de pelo menos 7
    horas

    episódios de súbita perda bilateral
    de tônus ​​muscular
    resultando no indivíduo
    desmoronando
    , ocorrendo frequentemente em
    associação com emoções intensas como riso, raiva, medo,
    ou surpresa

    Pesadelos e sonhos frequentes são muito comuns - ao adormecer, entre no sono REM em 15 minutos ou menos

    20-60% experimentam paralisia do sono • A obesidade é comum • Início tipicamente na idade adulta jovem ou mais cedo

     ausência temporária ou
    cessação da respiração; ausência total de
    fluxo de ar

    respiração excessivamente superficial ou baixa frequência respiratória - redução do fluxo de ar

    O distúrbio mais comum relacionado à respiração é da desordem do sono
    às vezes relacionada com perda de peso

    tende a correr em famílias
    sem obstruções, mas ainda experimentam apneias

     são gravados quando a respiração cessa por mais de 10 segundos

    um padrão de respiração anormal caracterizado por respiração progressivamente mais profunda e às vezes mais rápida, seguida por uma diminuição gradual que resulta em uma parada temporária na respiração (a chamada "apneia")

    ventilação reduzida ou deficiente dos pulmões, resultando em aeração reduzida do sangue nos pulmões e aumento do nível de dióxido de carbono no sangue.
    Atraso no tempo do maior período de sono (geralmente mais de 2 horas) em relação ao sono desejado

    Ir para a cama mais cedo e acordar mais cedo (geralmente maior que 2 horas)
    Mesmo quando é necessário ir mais tarde, ainda vai e acorda cedo

    Diminuição do final da tarde / noite anterior
    exposição à luz e / ou exposição a
    luz da manhã devido ao início da manhã
    despertar pode aumentar o risco de ASPT

    O sono é fragmentado em pelo menos três períodos durante
    o dia de 24 horas

    Mais comum entre indivíduos cegos ou com deficiência visual (50%) que têm diminuição da percepção da luz; raro em indivíduos com visão normal

    Geralmente causada por trabalhar fora do horário normal (8 a 6); os sintomas geralmente desaparecem quando a pessoa volta ao horário normal de trabalho

    Geralmente começa durante o primeiro terceiro
    de sono durante uma noite típica -
    normalmente duram de 1 a 10 minutos

    Febre e privação do sono podem aumentar a frequência
    Parece haver links genéticos para ambos os tipos em muitas pessoas

    A maioria dos comportamentos durante o sonambulismo é rotineira; alguns comportamentos inadequados podem ocorrer, como não usar o banheiro

    Ocorre quase exclusivamente durante o sono REM

    É mais provável que ocorra na segunda metade do período de sono, quando os estágios REM crescem mais

    Movimentos corporais e vocalizações não comuns
    porque a perda do tônus ​​muscular esquelético está relacionada ao REM

    Feminino - tende a ser temas de sexualidade
    assédio, entes queridos desaparecendo e / ou
    morrendo
    temas de agressão física ou guerra / terror

    Ao contrário do Transtorno do Pesadelo, durante o REMD há vocalizações e / ou comportamentos motores complexos que geralmente estão relacionados ao conteúdo dos sonhos

    Ocorre em ~ 30% dos casos de indivíduos com Narcolepsia

    Também é comum haver movimentos das pernas durante a vigília • Muitas vezes uma história familiar - genética

    Observado com mais frequência em mulheres, principalmente durante a gravidez • Pode ser melhorado com medicamentos que afetam a dopamina

    Aqueles com distúrbios graves do uso de substâncias podem realmente sofrer algumas alterações permanentes nos circuitos cerebrais, que persistem além da desintoxicação - isso pode resultar em:

    Desejos intensos quando a pessoa é exposta a
    estímulos relacionados a medicamentos (o condicionamento clássico pode ser
    envolvido) e recaídas repetidas

    Se os critérios forem atendidos para transtorno por uso de substâncias em mais de uma substância, o transtorno por uso de substâncias deve ser diagnosticado para cada substância

    Os sintomas podem ser vistos dentro de 4-12 horas, e freqüentemente
    pico de intensidade durante o 2º
    dia de abstinência

    Os sintomas podem representar sensações corporais normais ou desconforto que geralmente não significam doenças graves

    Verificação repetida de doença
    Evitar atividade física
    no distúrbio somático dos sintomas, a pessoa é frequentemente sensível aos efeitos colaterais dos medicamentos

    Muitas vezes pensam o pior em saúde, mesmo quando há evidências
    contrárias

    Muitas vezes, busca muitos cuidados médicos de diferentes médicos, mas normalmente isso não alivia preocupações - pode se consultar com o médico como não preocupado com eles.

    Os indivíduos do sexo femenino tendem a reportar mais
    preocupações somáticas do que os homens

    quando presente, a reatividade ao distúrbio médico é significativamente maior do que seria esperado apenas do distúrbio médico

    a pessoa experimenta perda de função no corpo (por exemplo, um membro), não no distúrbio dos sintomas somáticos

    sintomas não atingem uma intensidade delirante no distúrbio dos sintomas somáticos

  • diagnosis psychology ( recorded by wolverine ), unspecified accent

    Download Unlock
Overview

To make a new Audio Request or Script Request, click on Make a Request at the top of the page.

To record or transcribe for users learning your language, click on Help Others at the top of the page.

Recording and transcribing for other users will earn you credits and also move your own Requests ahead in the queue. This will help you get your requests recorded and/or transcribed faster.